CidadesDestaques

Projeto de Saulo Noronha autoriza Secretaria de Saúde de CG considerar paciente com Diabetes tipo 1 como deficiente e receber prioridade no atendimento



O vereador Saulo Noronha (MDB) apresentou um Projeto de Lei que autoriza o Poder executivo Municipal a classificar o Diabetes Melittus Tipo 1 como deficiência para tratamento médico devido na Rede Municipal de Saúde.

De acordo com o parlamentar a condição do paciente com a diabetes tipo 1 precisa de cuidados maiores. “Entre 5 a 10% dos casos de diabetes, correspondem ao tipo 1, no qual o sistema imunológico atacam as células que produzem a insulina. Assim, não há produção suficiente para fazer com que a glicose entre nas células, permanecendo na corrente sanguínea, ocasionando aumento nas taxas de glicemia, ocasionando problemas no paciente e que precisam de atenção especial”, afirmou o vereador.

De acordo com o vereador, a partir do momento que o paciente com a diabetes tipo 1 é considerado deficiente no Sistema Municipal de Saúde, ele tem prioridades no atendimento e na condição de suas patologias. “Estamos garantindo, com o projeto, que o paciente passe a ter prioridade como deficiente para tratamento de suas necessidades na saúde de Campina Grande”, completou Saulo Noronha.

Diabetes

É uma doença causada pela produção insuficiente ou má absorção de insulina, hormônio que regula a glicose no sangue e garante energia para o organismo. A insulina é um hormônio que tem a função de quebrar as moléculas de glicose(açúcar) transformando-a em energia para manutenção das células do nosso organismo. O diabetes pode causar o aumento da glicemia e as altas taxas podem levar a complicações no coração, nas artérias, nos olhos, nos rins e nos nervos. Em casos mais graves, o diabetes pode levar à morte.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, existem atualmente, no Brasil, mais de 13 milhões de pessoas vivendo com a doença, o que representa 6,9% da população nacional. A melhor forma de prevenir é praticando atividades físicas regularmente, mantendo uma alimentação saudável e evitando consumo de álcool, tabaco e outras drogas. Comportamentos saudáveis evitam não apenas o diabetes, mas outras doenças crônicas, como o câncer.

A causa do tipo de diabetes ainda é desconhecida e a melhor forma de preveni-la é com práticas de vida saudáveis (alimentação, atividades físicas e evitando álcool, tabaco e outras drogas).

TIPOS MAIS COMUNS DE DIABETES

diabetes mellitus pode se apresentar de diversas formas e possui diversos tipos diferentes. Independente do tipo de diabetes, com aparecimento de qualquer sintoma é fundamental que o paciente procure com urgência o atendimento médico especializado para dar início ao tratamento.

TIPO 1

Sabe-se que, via de regra, é uma doença crônica não transmissível, hereditária, que concentra entre 5% e 10% do total de diabéticos no Brasil. Ele se manifesta mais frequentemente em adultos, mas crianças também podem apresentar. O diabetes tipo 1 aparece geralmente na infância ou adolescência, mas pode ser diagnosticado em adultos também. Pessoas com parentes próximos que têm ou tiveram a doença devem fazer exames regularmente para acompanhar a glicose no sangue.

O tratamento exige o uso diário de insulina e/ou outros medicamentos para controlar a glicose no sangue. A causa do diabetes tipo 1 ainda é desconhecida e a melhor forma de preveni-la é com práticas de vida saudáveis (alimentação, atividades físicas e evitando álcool, tabaco e outras drogas).