Policial

PF investiga suspeito por armazenar e compartilhar material pornográfico infantojuvenil na PB



A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (09), a “Operação Anjo Guardião IV”, que tem o objetivo combater a posse e compartilhamento de material pornográfico envolvendo criança e adolescente. Foi cumprido um mandado de busca e apreensão, expedido pela Vara da Infância e Juventude da Paraíba.

De acordo com informações, a operação teve início a partir de ferramentas de monitoramento deste tipo de conteúdo circulando na internet. As pessoas que estavam armazenando material pornográfico infantojuvenil podem ser presas em flagrante delito e responder pelo crime previsto no Art. 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente.

A operação visa identificar e responsabilizar não apenas o autor do armazenamento, mas também quem compartilha, comercializa e produz pornografia infantil.

Somadas, as penas podem passar de 10 anos de prisão.