DestaquesParaíba

Oposição na Câmara de CG emite nota e afirma que não se intimida com tentativa de jogar bancada contra a opinião pública



A bancada de oposição na Câmara de Vereadores de Campina Grande se reuniu na tarde desta segunda, 10, para analisar as acusações da gestão municipal de que os servidores de três secretarias e da STTP ficaram sem receber pagamentos por causa da não aprovação dos pedidos de suplementação enviados pela gestão municipal.

*NOTA*

A bancada de oposição da Câmara Municipal de Campina Grande, se pronunciou nesta segunda-feira (10), sobre o pedido de suplementação do poder executivo, deixando claro, que vem analisando de forma responsável e não se intimidará com a tentativa de jogar a opinião pública contra o legislativo.

Exercendo o papel precípuo de fiscalizadores, os vereadores e vereadoras da bancada estranham o pedido para pagamento da folha, enviado no quarto mês do ano corrente, uma vez que os recursos são previstos na Lei Orçamentária Anual (LOA) para os 12 meses do ano e do 13º, entre outras garantias da folha ativa.

Diante deste e de outros pontos controversos do pedido de suplementação, a bancada lamenta a falta de planejamento da gestão municipal e a guerra psicológica feita com os prestadores de serviço, através de informações falsas que fragilizam centenas de pais e mães de famílias.

Por fim, os vereadores reiteram o respeito e o compromisso com os serviços e prestadores da Prefeitura, bem como toda a população de Campina Grande.

*Vereadores e Vereadoras da bancada de oposição Campina Grande*