Economia

Governo abre renegociação de dívidas tributárias relacionadas a controvérsias jurídicas

CNN BRASIL



A Receita Federal e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) lançaram nesta quinta-feira (16) um edital voltado a renegociações de dívidas tributárias relacionadas a temas de relevante controvérsia jurídica.

O Ministério da Fazenda informou em nota que poderão ser incluídos na transação débitos decorrentes de exclusões irregulares de benefícios fiscais do ICMS da base de cálculo do Imposto de Renda de empresas (IRPJ) e Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSLL).

A adesão poderá ser formalizada a partir desta quinta-feira até o dia 28 de junho.

O programa prevê desconto de até 80% do valor da dívida para pagamentos em até 12 parcelas.

Há ainda opções com redução do valor do débito em 50% ou 35% se o pagamento for parcelado, respectivamente, em 60 ou 84 meses.