Paraíba

“Foi implodida”, afirma vereador sobre pré-candidatura de Inácio Falcão a prefeito

Foto: Divulgação

Os desdobramentos relativos às composições partidárias em Campina Grande com foco nas eleições de outubro geraram defecções para todos os lados, inclusive no bloco de oposição. E tem muita gente irritada com deputado estadual Inácio Falcão, do PCdoB, que teria escolhido o PP para filiar seu futuro candidato a vereador, Paulo Falcão.



A decisão causou estranheza e reações, já que o partido de Inácio tem uma federação formada ainda pelo PT e PV. Logo, ao indicar seu aliado para outra legenda, o deputado deixou de reforçar a nominata do seu bloco, que enfrenta dificuldades para as eleições deste ano.

Em resposta, o vereador Napoleão Maracajá, do PT, avaliou que o gesto de Falcão tira o deputado estadual da corrida pela Prefeitura de Campina Grande. “Acho que a candidatura de Inácio foi implodida a partir do momento em que ele não conseguiu montar uma chapa proporcional”, disse Napoleão ao Jornal do Meio-Dia da Campina FM.

Para o petista, o cenário municipal aponta para um provável enfrentamento direto entre o atual prefeito, Bruno Cunha Lima (União), e o deputado federal Romero Rodrigues (Podemos), no máximo com uma terceira candidatura do PSB, com o secretário Jhony Bezerra, da Saúde.

Hora Agora