Economia

BNDES autoriza suspensão das parcelas de crédito rural para produtores do RS

CNN BRASIL



O Banco Nacional de Desenvolvimento, Econômico e Social (BNDES) autorizou as instituições financeiras credenciadas a não cobrarem de produtores do Rio Grande do Sul parcelas de crédito rural com vencimento entre 1º de maio e 14 de agosto deste ano.

A regulamentação vem após a autorização da prorrogação pelo Conselho Monetário Nacional (CNM) na última sexta-feira (10).

A prorrogação é válida para 15 de agosto para operações de crédito rural contratadas com recursos controlados do BNDES no âmbito do Programa Agropecuário do Governo Federal (PAGF) e do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

A renegociação é válida para propriedades localizadas em municípios com reconhecimento de situação de emergência ou estado de calamidade pública entre 30 de abril a 20 de maio, afetadas pelas fortes enchentes que atingiram o Estado.

As operações serão corrigidas pelos encargos contratuais e mantidas as fontes de recursos. Somente podem ser prorrogadas as operações em situação de adimplência em 30 de abril.