Economia

SENAI PB formará mais de 200 profissionais em 07 áreas na cidade do Congo

Aos 24 anos, Camila Ferreira encontrou na costura uma profissão que garante renda dela e dos familiares. A costureira que mora na cidade do Congo, tinha dificuldades quando precisava fazer a manutenção das máquinas dela. A opção que tinha era mandar os equipamentos para Campina Grande, que fica a cerca de 170 km.

“Estou tendo uma experiência única, através das aulas teóricas e principalmente nas práticas tenho aproveitado cada aula para adquirir novos conhecimentos, e como aqui no Congo existe uma carência nesta área profissional, vou poder consertar tantos as minhas máquinas, como a dos meus familiares, que também costuram”, disse a jovem.

O curso com carga horária de 160h, tem duração de 45 dias úteis. As aulas são ministradas em escolas do município, onde no mês de janeiro foram formados 30 Costureiros Industriais do Vestuário.

“Fiquei maravilhado em ver pessoas que estão tendo a oportunidade de crescer profissionalmente em diversas áreas. Só tenho a parabenizar o SENAI, em manter e consolidar essa realidade para a população do Congo”, disse o senador Veneziano Vital do Rêgo, durante uma visita as turmas, ocorrida na última sexta-feira, 01, em companhia da prefeita Flávia Emanoela.

Atualmente, além de Mecânico de Máquinas de Costura, estão em andamento turmas de Eletricista Instalador Predial de Baixa Tensão, Mecânico de Manutenção de Motocicletas. E serão oferecidos nos próximos meses, os cursos de Pedreiro de Alvenaria, Mecânico de Motores Ciclo Otto, todos eles com duas turmas, cada uma com 20 alunos.

FIEP PB


Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support