Economia

Mega-Sena acumulada: quanto rendem R$ 56 mi na poupança, Tesouro Direto ou CDB



CNN BRASIL

O prêmio principal da Mega-Sena acumulou novamente, e a estimativa para o concurso realizado neste sábado (13) é R$ 56 milhões.

A pedido da CNN, Michael Viriato, estrategista da Casa do Investidor, realizou um levantamento mostrando quanto rende uma aplicação do valor integral do prêmio, considerando a taxa de básica de juros de 10,75% ao ano.

Os números mostram que a poupança teria o “menor” retorno, tanto no curto quanto no longo prazo: em um mês, a aplicação renderia R$ 341,5 mil e, após um ano, a R$ 4,2 milhões.

A melhor opção ainda estaria nos CDBs de bancos médios, considerando uma remuneração média que chega a 110% do CDI.

Neste caso, os mesmos R$ 56 milhões renderiam a bolada de R$ 419,6 mil em apenas um mês e R$ 5,2 milhões em um ano.

A lista apresenta os ganhos em percentuais e em reais da poupança, do Tesouro Direto (considerado o título pós-fixado, o Tesouro Selic), CDBs e fundos DI, que acompanham o CDI e a taxa Selic.

As contas já consideram os rendimentos líquidos, ou seja, descontados do Imposto de Renda que incide sobre os ganhos. Apenas a poupança é livre de cobranças.

A simulação considera taxa de administração de 0,50% para os fundos DI e de 0,2% para Tesouro Selic, embora a cobrança varie entre fundos e corretoras.

O próximo sorteio da Mega-Sena será realizado às 20h, com transmissão ao vivo pelas redes sociais da Caixa.

Confira as projeções de rendimento