Brasil

Lula diz que vai sancionar legalização de cassinos e jogos de azar



O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta sexta-feira (21) que, se o Congresso aprovar o projeto que libera que cassinosbingos jogo do bicho, ele vai sancionar a proposta.

Lula deu as declarações durante entrevista à Rádio Meio, de Teresina (PI), onde o petista cumpre agenda nesta sexta.

Na última quarta-feira (19), por um placar apertado, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou um projeto que libera os jogos de azar no Brasil, como bingo, jogo do bicho e cassino.

O texto, que já foi aprovado pela Câmara, ainda terá de ser debatido e analisado pelo plenário principal do Senado. Se o conjunto de senadores não promover alterações à proposta e aprová-la, o projeto seguirá para a sanção de Lula.

Na entrevista que concedeu nesta sexta-feira, o presidente disse não ser favorável a jogos de azar, mas afirmou também que não os considera um crime.

“Se o Congresso aprovar e foi feito um acordo entre os partidos políticos e for aprovado, não tem por que não sancionar. Não acho que é isso que vai resolver o problema do Brasil. Essa promessa fácil de que vai gerar 2 milhões de empregos, que vai desenvolver, não é verdade também”, declarou.

Lula afirmou que a liberação de cassinos, por exemplo, pode gerar empregos para pessoas mais pobres.

“Eu não acredito que pobre vai gastar no cassino. Pobre não vai no cassino. Pobre vai trabalhar no cassino. Ele não vai porque é coisa para gente que tem dinheiro. Eu nunca fui num cassino”, declarou.

O presidente também destacou a proliferação de casas de apostas esportivas online e demonstrou preocupação com a prática entre os mais jovens.

F5 Online

G1