Policial

Acusado de homicídio e explosão de agências bancárias é preso em CG



Um homem de 34 anos foi preso nesta segunda-feira (8), no bairro da Liberdade, em Campina Grande, acusado de homicídio e de furtar e explodir agências bancárias.

A prisão foi resultado de uma ação conjunta da Delegacia de Homicídios de Campina Grande (DHPP-CG), Unidade de Inteligência da Polícia Civil (Unintelpol) e Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

A polícia informou que o indivíduo foi condenado a mais de 27 anos de prisão pelos crimes.

As investigações começaram há cerca de uma semana, após uma denúncia sobre a localização do foragido. Capturado sem resistência, ele agora aguarda audiência de custódia e está à disposição da Justiça.