Economia

47% da população avaliam sua qualidade de vida como boa ou ótima, aponta pesquisa da CNI

Pesquisa inédita da Confederação Nacional da Indústria (CNI) avaliou como os brasileiros enxergam a qualidade de vida no país e sua própria qualidade de vida e o resultado revelou que 47% dos entrevistados consideram sua qualidade de vida boa ou ótima. Outros 44% consideram regular e apenas 9% consideram ruim ou péssima.

A renda e o local de moradia impactam nos resultados, uma vez que 50% dos brasileiros que vivem no interior do país consideram sua própria qualidade de vida como boa ou ótima contra 41% dos brasileiros de regiões metropolitanas.

Já 71% entre aqueles que recebem mais de cinco salários-mínimos por mês também considera sua própria qualidade de vida como boa ou ótima ante 40% entre aqueles que recebem até um salário-mínimo.

Quando o assunto é a avaliação geral da qualidade de vida dos brasileiros apenas 20% dos entrevistados disseram ter a qualidade de vida como ótima ou boa, 48% consideram regular e 30% ruim ou péssima

Veja aqui como está apercepção sobre a qualidade de vida

O estudo mostra também que quanto maior a escolaridade, menor é o índice de pessoas que avaliam como ótima ou boa. Enquanto 26% dos entrevistados analfabetos consideram a qualidade de vida como ótima ou boa, apenas 17% dos entrevistados com nível superior fazem a mesma avaliação.

A pesquisa ouviu 2.012 cidadãos com idade a partir de 16 anos nas 27 unidades da federação. A margem de erro no total da amostra é de 2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%. As entrevistas foram realizadas entre os dias 6 e 9 de fevereiro de 2024.



FIEPB